quinta-feira, 18 de novembro de 2010


O que posso oferecer

Além de uns minutos de prazer

Minha vida vazia

De encantos

De amores

Mas o pensar

me enlouquece

O desejo

Aparece

E só quero trepar

Gozar, gozar, gozar

10 comentários:

  1. (In)tenso, mas verdadeiro...
    Bjs

    Mila

    ResponderExcluir
  2. Mas se oferece uma vida, uma vida que pode virar a dois, então não é algo vazio que é oferecido...

    Fique com Deus, menina Inventadas Verdades.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  3. Oi, querida. Obrigado pela visita. Também estou seguindo seu blog! Muito legal!

    Eu também quero trepar KKK Nunca vi tanta honestidade em um poema.

    Beijos!

    http://misteriosdoorgasmo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Impossível pensar em uma vida sem encanto, sem amores...principalmente de alguém que escreve assim!!

    Obrigado pela visita!!

    Abraços

    ResponderExcluir
  5. visite esse blog http://maskedstory.blogspot.com/
    Ps- sua poesia é movida a pós tesão

    ResponderExcluir
  6. Esse sentir é muito próprio do ser humano.
    Excelente poema. Gostei.
    Há imenso tempo que não te visitava, mas não podia deixar acabar o ano sem te desejar um excelente 2011. Para ti e para os que mais amas.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Belo post...

    Belo blog...

    Parabéns!!!

    Convidaria vc a conhecer meu trabalho...
    http://mailsonfurtado.com

    Grato demais!

    ResponderExcluir